Crédito Consignado

Deluy - Crédito Consignado O Crédito Consignado é a modalidade de empréstimo mais segura do mercado. E é justamente devido à segurança que oferece ao agente financeiro, que suas taxas de juros são as menores entre todas as modalidades de empréstimo pessoal.

O desconto das prestações mensais é feito diretamente na folha de pagamento do contratante (ou benefício previdenciário, no caso dos aposentados), sob responsabilidade do órgão pagador e mediante autorização expressa de quem receberá o benefício.

O contratante não precisa ir ao banco mensalmente e jamais perderá o prazo de pagamento.

Principais vantagens do Crédito Consignado:

• Menor taxa de juros entre todas modalidades de empréstimos;
• Você jamais fica inadimplente, pois as prestações são descontadas diretamente de seu contracheque;
• O empréstimo consignado é feito sem consulta aos órgãos de proteção ao crédito, como Serasa. Mesmo que esteja com restrições cadastrais, o interessado pode fazer a operação;
• Sem burocracia;
• Aprovação é rápida e simples. É preciso apenas respeitar a margem consignável (ou seja, a prestação não pode ser maior do que uma determinada percentagem do salário ou benefício previdenciário). Se informe conosco sobre a sua margem consignável (Forças Armadas, INSS e funcionalismo federal, estadual ou municipal).

Documentos necessários para solicitar o Crédito Consignado:

- cópia da carteira de identidade
- cópia do CPF
- cópia de comprovante de residência atualizado
- cópia do último contracheque

Solicite seu Crédito

Recomendações

Se suas despesas estão aumentando e seus rendimentos não, você está com problemas ou prestes a enfrentar por problemas. Analise a lista a seguir. Caso você se encaixe em dois ou mais desses itens, está na hora de rever cuidadosamente suas finanças.

- Os pagamentos mínimos mensais representam 20% ou mais do seu salário líquido, sem incluir pagamentos de aluguel ou financiamento imobiliário.
- Você usa os limites de saque de um cartão de crédito para pagar outro.
- Você paga apenas o valor mínimo exigido a cada mês.
- Não sabe o valor total da sua dívida.
- Você recebe ligações ou cartas de credores a respeito de pagamentos vencidos.
- Frequentemente paga as contas com atraso.
- Recentemente teve crédito negado.
- Seus rendimentos não são suficientes para pagar todas as suas contas atuais.
- Tem mais de três cartões de crédito e está usando todos.
- Uma compra não passou o limite de seu cartão de crédito estourou.
- Você tem de usar cartões de crédito para comprar coisas que antigamente pagava em dinheiro.
- Tem mais de três cartões de crédito e mesmo assim pede outros.